Mendoza

De Mendoza existem várias formas de se visitar o Cerro Aconcágua. Provavelmente a mais conhecida é o Tour Alta Montanha, que te leva aos principais pontos turísticos e que custa em média 500 pesos por pessoa atualmente.

Fizemos os cálculos e percebemos que a diferença seria quase nada se fossemos ao Aconcágua de carro. Decidimos, então, fugir do tour e dirigir até lá. Sábia decisão! A liberdade de chegar ao Cerro por conta própria é incrível! Passamos por vários pontos que o Tour te leva com a maior facilidade do mundo, podendo parar e fazer o que bem quiséssemos. 

Chega mais que a gente te conta como foi!⠀

Aconcágua de carro Mochila Etc

– Vantagens de se ir ao Aconcágua de carro – Parar onde quiser! –

Aconcágua de carro

O primeiro passo para ir de carro ao Aconcágua, obviamente, é alugar um carro. E após algumas pesquisas e alguns choros, decidimos alugar na B & T, que fica na Calle P. de la Reta y Av. Alem (onde também ficam várias outras locadoras de automóveis). Como eu sou mais perdido que cego em tiroteio, decidimos incluir um GPS na conta. No fim, o aparelho nem foi tão necessário, pois a rota é MUITO fácil! O mapinha que eles dão com as orientações já é mais que suficiente.

Para chegar até as cordilheiras você dirige por toda a Ruta 7, margeando o Rio Mendoza desde a região agrícola da cidade até quase a fronteira com o Chile. O trajeto está em excelente estado e só perdemos um pouco de tempo devido a uma obra que fechava parte da pista.

Pegamos o carro às 9hrs e chegamos no Parque Provincial Aconcágua por volta das 12h. Sempre dirigindo com extrema calma e parando onde julgamos necessário contemplar aquela imensidão desértica. O nosso pensamento foi chegar logo ao Parque e ir descendo visitando os outros pontos turísticos (Puente del Inca e Los Penitentes), parando para almoçar em Uspallata.  #ficadica

A diária do carro custou 650 pesos + 70 pesos da diária do GPS.

Nós gastamos um total de 350 pesos com combustível + 40 pesos cada entrada do Parque

Total para os dois = 1150 pesos

Atrações

A estrada

A famosíssima Ruta 7 por si só já é um dos maiores pontos turísticos que você encontrará. A cada curva você se surpreende com um pico nevado e paisagens de tirar o fôlego. Saia de casa cedo e simplesmente curta a estrada. Sem dúvida isso já valerá a pena!

Aconcágua de carro Mochila Etc

– pôr do sol na volta –

Potrerillos

A primeira parada é a Represa Portrerillos, a mais ou menos 60km de Mendoza. A hidrelétrica, que teve sua inauguração em 2013 é responsável por abastecer toda a cidade de Mendoza e é local de vários esportes radicais como Windsurf, caiaque, entre outros.

Nossa parada foi rápida apenas para contemplação e algumas fotos.

Aconcágua de carro Mochila Etc

Povoado de Uspallata

Após mais 50km pela Ruta 7 você chegará ao vilarejo de Uspallata, um óasis construídos por mãos humanas no meio da paisagem desértica. Não há muito o que se fazer, apenas comprar souvernirs e frequentar um dos restaurantes e cafés do local. Deixamos para parar na volta e almoçar por aqui.

Aconcágua de carro Mochila Etc

– Bosque simpático –

Los Penitentes

A imponente Estação de Esqui Los Penitentes possui diversas atrações de inverno. Com mais de 20 pistas de diversos graus de dificuldades, é um paraíso para esquiadores amadores e veteranos de todo o mundo. O local ainda conta com uma ótima estrutura de hotéis, pousadas, albergues e restaurantes, dando uma infraestrutura completa para seus visitantes.

Infelizmente estivemos lá no verão, então a estação estava às moscas. Ainda assim, era possível subir o teleférico para o mirante El Lomo. O problema é que passamos na volta e pelo que entendi do espanhol estranho de um rapaz que estava trabalhando por ali, o teleférico só funciona até às 15hrs. Portanto, se quiser subir, passe lá antes de ir para o Aconcágua!

Aconcágua de carro Mochila Etc

– Teleférico –

 

Aconcágua de carro Mochila Etc

– Opções de pistas –

Puente del Inca

A Puente del Inca é uma formação rochosa que impressiona pelo seu tamanho e cores. Localizada bem próximo ao Parque Aconcágua, recebe centenas de turistas encantados tanto com a beleza, quanto com as fascinantes histórias e lendas que envolvem este lugar andino.

No ano de 1925, foi construído aqui o Hotel Puente del Inca. Um resort de luxo que recebia os grandes magnatas da época e contava com uma fonte de água termal em cada quarto. Fontes estas que, segundo acredita-se, possui propriedades curativas devido ao alto teor de sais minerais em sua composição. No ano de 1965, após diversas avalanches, o Hotel foi completamente destruído e seu projeto abandonado.

Mas muito antes disso, lendas e histórias já circundavam o local:

Reza uma antiga lenda que, muito antes da chegada dos espanhóis, o filho de um grande Imperador Inca estava muito doente. Após inúmeras tentativas sem resultado, os sábios do reino profetizaram que seu filho só poderia ser curado em uma longínqua região ao sul. Sem mais alternativas, o rei decide embarcar em uma caravana com seus melhores guerreiros para levar o seu filho às terras andinas.

Após muitos meses e dificuldades os guerreiros se depararam com o Rio Caves e perceberam que ali haviam águas termais que poderiam curar o garoto. Precisavam apenas encontrar uma forma de atravessar o rio para alcançar as milagrosas fontes. Para salvar o herdeiro, os bravos homens se abraçaram e formaram uma enorme ponte humana, onde o rei e seu filho atravessaram e encontraram a cura do menino. Ao atravessarem de volta os dois viraram-se para agradecer a ajuda de todos, mas perceberam que seus homens haviam petrificado-se, formando a Puente Del Inca.

Aconcágua de carro Mochila Etc

Cerro Aconcágua

Cume mais alto da América do Sul, o Cerro Aconcágua possui 6960 metros de altitude e possui também o título de topo mais alto do Hemisfério sul e ainda o mais alto fora da Ásia.

A entrada do parque é muito fácil de encontrar e o passeio mais comum é fazer o pequeno trekking de 2km até o Mirante Aconcágua e a Laguna Horcones. Apesar da pouca distância a altitude aqui dá uma baleada no pulmão, então é bom estar preparado.

A entrada custa 40 pesos e você pode estacionar dentro do parque. Para os que irão se aventurar por mais dias de Trekking os preços são diferentes.

Mais informações AQUI

Aconcágua de carro Mochila Etc

– Entrada do parque –

Aconcágua de carro Mochila Etc

– chegamos! –

Mapa